Jornal do Vinho

Uma pequena bolha de consumo

Quantidade da champanhe comercializada no mundo aumentou 8.9% no ano passado

Marcos Pivetta/www.jornaldovinho.com.br

09/02/2011
© Gaetan Lee/Wikimedia Commons

Franceses consumiram 55% do champanhe comercializado em 2010

Depois de amargar quedas por dois anos consecutivos nas vendas globais, os produtores de champanhe têm motivos para comemorar. Em 2010, comercializaram 319,5 milhões de garrafas do borbulhante vinho,  8.9% a mais do que em 2009, segundo dados divulgados na segunda-feira pelo Comité interprofessionnel du vin de champagne (CIVC), entidade que representa o setor.  O valor das vendas deve ter superado a cifra de 4 bilhões de euros (em 2009, fora de 3,7 bilhões de euros). É um bom resultado, mas ainda inferior ao recorde de faturamento, de 4,5 bilhões de euros, em 2007.

O mercado interno francês continua sendo o porto seguro do champanhe. Os gauleses consumiram 185 milhões de garrafas no ano passado, 55% da quantidade total comercializada. Em 2009, eles haviam bebido 63% de todo o champanhe.  O hábito de tomar o mais famoso e caro espumante do mundo parece estar se difundindo na China, onde, no ano passado, houve um aumeno de 30% nas vendas de champanhe. No entanto, em termos absolutos, o volume da bebida consumida no país asiático ainda é pequeno, cerca de 1 milhão de garrafas.

Para mais detalhes sobre o desempenho das vendas de champanhe em 2010, clique nessa notícia, em francês, da agência Reuters.

Aqui você encontra notícias e reportagens anteriores sobre champanhe feitas pelo JV.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *